MUDAMOS DE ENDEREÇO

MUDAMOS DE ENDEREÇO
MUDAMOS DE ENDEREÇO TODAS AS POSTAGENS DAQUI, ESTÃO LÁ. ABRAÇOS E OBRIGADA. silvia masc

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Como um anjo!



A importância do sono.
Dormir é tão vital quanto comer e beber. Isso porque é durante o sono que o organismo armazena as informações na memória, organiza o aprendizado, repõe a energia gasta ao longo do dia e libera o hormônio do crescimento, responsável pela renovação celular. “É por essa razão que quem dorme mal tem dores no corpo, irritabilidade, alteração de humor e, a longo prazo, depressão, enfraquecimento dos ossos e maior predisposição a doenças”, diz o Dr. Luciano.

Os distúrbios do sono prejudicam até as curvas. Cientistas da Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, observaram que pessoas que dormem apenas quatro horas por dia apresentam 18% menos leptina, hormônio associado à saciedade, e 27% mais grelina, hormônio ligado à fome, do que quem dorme até dez horas. Ou seja, dormir mesmo acarreta em mais sensação de fome.

A boa notícia é que basta uma noite de sono reparador para que o corpo se recupere de outra maldormida. “Normalmente, recomendamos entre sete e oito horas de sono, mas isso não é regra, afinal tem gente que se satisfaz com cinco horas, enquanto outras precisam de dez. O que importa é acordar bem-disposto e não ter sonolência durante o dia”, afirma o neurologista.

Dicas para ter uma boa noite de sono

  • Exercícios físicos somente até três horas antes de dormir
O exercício te deixará agitada (o), o que prejudica a chegada do sono.

  • Nada de cafeína à noite
A substância, presente no café, nos refrigerantes à base de cola e nos chás escuros, como o mate e o preto, é estimulante. Dê preferência aos chás de camomila, erva-cidreira ou erva-doce ou ainda leite quente para embalar o sono.
  • Pegue leve no álcool
Apesar do drinque relaxar nos primeiros minutos, em pouco tempo ele leva à excitação por mais de três horas.
  • Faça um jantar leve
Para não ficar rolando de um lado para outro na cama, evite comer muita gordura e proteína. Eles demoram a ser digeridos, deixando a sensação de peso no estômago. Opte por uma sopa de legumes com croutons, por exemplo.
  • Tome um banho quente
O calor “solta” a musculatura e libera as tensões, principalmente se deixar a ducha cair sobre a nuca. Melhor ainda se a luz do banheiro ficar apagada e o ambiente iluminado apenas por velas.
  • Prepare um escalda-pés, mergulhe os pés por dez minutos numa bacia com água morna e uma colher de sopa de sal grosso ou de cozinha. Adicione cinco gotas de óleo essencial de lavanda, camomila ou bergamota diluídas em uma colher de sopa de óleo de canola. “Finalize o ritual calçando meias de algodão macias.
  • Arrume o quarto
Quanto mais escuro melhor, pois a luz bloqueia a melatonina, hormônio responsável por regular o sono. O computador e a tevê têm o mesmo efeito, portanto, nada de dormir com eles ligados. Tire também o despertador e o telefone, assim não corre o risco de “quebrar” o silêncio.
  • Vá para a cama sempre no mesmo horário
Assim, naturalmente, você vai desacelerar o ritmo e se preparar para dormir.
  • Toque o rosto
Para relaxar, esfregue rapidamente a palma de uma mão na outra e coloque-as sobre os olhos. Respire lentamente enquanto faz isso. Não há insônia que resista!

Fonte: Dr.Luciano Ribeiro Pinto é neurologista e presidente da Associação Brasileira do Sono e professor da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).

7 comentários:

ceiça

Ola Silvia.
Otimas dicas pra cair nos braços de morfeu.Eu graças a Deus sou dorminhoca de natureza,e é dificil eu ter problemas para tal. Mas ja senti na pele o que é uma noite mal dormida.
beijos

Gui

Ora aqui temos um post muito útil. Por mim, obrigado e um beijo.

Ninguém envolvente

Há muita controvérsia entre médicos sobre o leite, alguns assinam embaixo de uma teoria que diz que os mamímeferos em geral só devem consumir lactose até os 7 anos de vida, para uma boa calcificação e um desenvolvimento saudável e que passado este período não devemos mais consumir leite e seus derivados, um exemplo disto é o gato que quando filhote, toma leite apenas, mas com o passar do tempo ele não o toma mais e seu organismo cria uma rejeição pelo leite puro, gatos em geral preferem iogurte, mas não é uma regra para todos os gatos. Na natureza somos os únicos mamíferos que ainda tomam leite já depois de "velhos". Então devido a está observação que foi feita dos mamíferos no geral, alguns médicos não recomendam a ingestão de lacteos, ou fazem a recomendação moderada por que muita gente tem intolerância a lactose e nem desconfia.
Os sintomas variam conforme o grau de rejeição, o mais comum é o estufamento após a ingestão de um iogurte ou um copo de leite.
Particularmente, não posso ingerir lactose após 7 da noite, fico estufada e não consigo dormir.
Recomendaria a quem tem problemas para dormir ou quem deseja um sono mais confortável que tomasse chá de capim cidreira, além de ser calmante é muito saboroso e dê preferência ao chá natural e sem açucar.

Pedro e Dirce

E eu, que não durmo se não tomar uma xícara de leite morno, faça sol, chuva, frio, calor... não devo ter qualquer intolerância. Mas cada um observa o seu jeito né?
E durmo melhor ainda se a Dircinha o trouxer na cama... hahahahaha

milton toshiba

Preciso urgentemente de um sono reparador. Como faz falta!


abs

poetaeusou . . .

*
realçarei
aos quatro ventos,
a utilidade des blog,
,
agradecidas conchinhas, deixo,
,
*

anny-linhaozzy

Sílvia:
Que dica boa!
Já estou indo dormir.
Beijos,
Anny.

  © Blogger template 'Perhentian' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP